Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2008

Os ultimos vasos a se quebrarem...

"Os humanos podem ser comparados a vasos, meu amigo...
A vasos belos e delicados, mas que se quebram facilmente, e vasos feios, rudes, grossos e duros, que resistem a quase tudo...
Esses que olhamos, nossos amigos, são vasos de vários tipo, mas, comparado a nós, são os mais belos e delicados possíveis.
Eu sou um vaso grego... Soterrado por lembranças, com algumas rachaduras, mas tão antigo quanto essa sociedade... Enquanto você é uma argila dos primeiros humanos. Você será a ultima lembrança para a próxima geração...
(...)
Quando todos eles se forem, seja pelo destino, seja pela morte, estaremos nós, aqui, sentados e conversando juntos sobre as lembranças... E quando eu me for, você será minha ultima lembrança, a ultima prova de que todos nós existimos..."

Noite na Taverna

Macário: Onde me levas?
Satan: A uma orgia. Vais ler uma página da vida, cheia de sangue e de vinho
Macário: Eu vejo-os. É uma sala fumacenta. A roda da mesa estão sentados cinco homens ébrios. Os mais revolvem-se no chão. Dormem ali mulheres desgrenhadas, umas lívidas, outras vermelhas Que noite!
Somos apenas poeira neste grande universo. Temos pouco tempo para experimentar tantas maravilhas que podemos.

Viva! Não se julgue por ser quem se é, não se arrependa de experimentar tudo que tiver vontade, não deixe nada para trás que se possa olhar e dizer: ali eu não vivi, pois segui por caminhos conhecidos.

Não se arrependa! Nunca se esqueça que estamos apenas de passagem, podemos partir a qualquer segundo... Sem glórias, sem lembranças, sem receios.

"Partirei cedo. Abandonarei-te aqui para que entendas. Os anos que não vivi, preso a convenções como as tuas, eu compensei nos últimos dias.
Não chore. O beijo da Morte recebi, mas dele aproveitei! Minha vida por tua castidade, bela e sádica anja!
Bebi das águas da Melancolia, fumei as flores roubadas do Elísio, joguei com os dados rolados por Deus em sua partida contra o destino. Desta curta e vazia vida pude aproveitar, mesmo que ainda leve receios para o Ébano...
Quero que vejas além de sua vida, e entenda que partirei feliz, apenas …

Vida

"A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos."